Barbo do sul

BARBO DO SUL | Luciobarbus Sclateri

Achiga.png

zona de origem

Alimentação – herbívoros, panctonófagos.

Espécie Autóctone.

Família: Cyprinidae.

Distribuição Global: Endemismo Ibérico, Mira, bacias do Algarve, Guadiana e Sudoeste Espanhol.

Morfologia: Espécie de tamanho médio, com boca inferior apresentando duas partes de barbilhos longos que ultrapassam a linha posterior do olho. A boca tem lábios grossos e os olhos estão afastados do perfil da cabeça.

Nativa: Sim

Migração: Não.

Longevidade: 11 anos.

Comprimento: até 50 cm.

Época de reprodução: Entre março e julho.

Nº médio de ovos por fêmea: 10 000 - 11 000.

Habitat geral: Peixe sedentário que prefere águas quentes, límpidas, com vegetação abundante e escassa corrente. Os juvenis ocorrem em zonas menos profundas enquanto os adultos em maiores profundidades.

Alimentação: Predador que se alimenta predominantemente de peixes e lagostins de água doce à medida que cresce.