CARPA

CYPRINUS CARPIO

 

Alimentação – Omnívora.

Espécie exótica.

Família: Cyprinidae.

Distribuição Global: Originária da região Euro - Asiática, foi difundida por todo o mundo. Em Portugal foi provavelmente introduzida pelos Romanos para aquacultura.

Morfologia: Com uma barbatana dorsal grande com pelo menos o dobro do comprimento da anal. A boca terminal e protráctil com dois pares de barbilhos sensoriais. Podem existir formas sem escamas no corpo. Coloração variável, geralmente verde-acastanhada, os flancos em tons dourados que escurecem em direção ao dorso.

Nativa: Não.

Migração: Não.

Longevidade: 16 anos.

 

zona de origem

carpa.png
Sem título-1-24.png
Sem título-1-25.png
 

Comprimento: Até 100 cm.

Época de reprodução: de abril a junho.

N.º médio de ovos por fêmea: 41 000 ovos / Kg

Habitat geral: A carpa vive sobretudo em águas paradas ou com pouca velocidade de corrente e com fundos vasosos, preferindo rios com grandes profundidades. É uma espécie bentónica que ocorre nas zonas litorais dos rios e barragens.

Alimentação: Omnívora, ingere desde macroinvertebrados, crustáceos e alevins de outros peixes, plantas (gramíneas) e detritos.

Fonte: EDIA - Empresa de Desenvolvimento e Infra- estruturas do Alqueva, S.A.